quinta-feira, 16 de março de 2017

OS TRENS SEM TRILHOS: A Construção da Estrada de Ferro Norte de São Paulo 1874 – 1931 1 ª Parte

Foto arquivo  Blog Ubatubense - Imagem ilustrativa......



Da redação do Blog Ubatubense......Estamos divulgando aqui  um belo trabalho histórico sobre a construção da Estrada de Ferro Norte de São Paulo, de autoria de Guilherme Carra Makowsky, informo que  estou apenas a compartilhar um capitulo da rica história da Ubatuba Antiga, a manutenção deste  blog , eu faço com carinho e por amor a minha querida cidade Ubatuba SP, não tenho nenhum lucro com a atualização desse blog, quero apenas auxiliar na divulgação  da história de minha cidade...




OS  TRENS  SEM TRILHOS: A Construção da Estrada de Ferro Norte de São Paulo 1874 – 1931



Guilherme Carra Makowsky – Mestrando pelo programa de Pós – Graduação em História Econômica do Departamento de História da faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo. Orientador Prof. Dr. José Jobson de Andrade Arruda.
Ubatuba foi o principal porto de escoamento dos produtos agrícolas, principalmente café, do sul de Minas Gerais e do Vale Paulista do rio Paraiba do Sul   de 1830 até a finalização da ligação ferroviária entre as capitais  das províncias de São Paulo e Rio de Janeiro em 1877, assim, fazendeiros e comerciantes da região decidiram pela construção de uma outra ferrovia que ligaria a ferrovia Rio – São Paulo ao porto de Ubatuba e data de 1874 a primeira concessão governamental com Lei Provincial n º 8 de 20 de março de 1874, .....






.....regulamentadora da concessão com a inclusão e garantia de juros pelo governo provincial para os concessionários os Srs Charles Bernard e Sebastião da Silva Belfort. A estrada de férreo deveria partir de Guaratinguetá, com um ramal para Pindamonhangaba. Não conseguiram os concessionários até o último dia de fevereiro de 1977 concretizar a incorporação da companhia e, desse mesmo dia em diante , começou a correr o prazo para o início das obras de construção cujo término deveria acontecer em igual dia de fevereiro de 1879, caso contrário seria declarada extinta a concessão.
Com a não realização das obras, o então engenheiro inglês contratado para a realização dos estudos e projeto da ferrovia o Sr. Horace Boardman Cox, continuou  estudos pela região para encontrar o melhor traçado  a ser utilizado para a construção de uma ferrovia entre o planalto e o mar e concluiu que a melhor ligação deveria partir de Taubaté, passando por Redenção da Serra, Natividade da Serra, utilizando uma passagem natural na Serra do mar chamada de Taquaruçu, próximo a vila do Bairro Alto, pertencente à cidade de  Natividade da Serra. 

Continua..........       Confira   a  2 ª Parte     Dia  18/03/2016

Nenhum comentário: