domingo, 6 de janeiro de 2013

ESPECIAL - LIVRO : UBATUBA, ONDE A LUA NASCE MAIS BONITA...PARTE 7

AQUI  EM PARTES , VC CONFERE O RESUMO DA AVENTURA  DE JUSTO AROUCA, O QUAL DURANTE A CONSTRUÇÃO DA  ESTRADA CARAGUATATUBA - UBATUBA, A TRABALHO VEIO PARA UBATUBA-SP, AQUI SE FIXOU E ATRAVÉS DO LIVRO " UBATUBA, ONDE A LUA NASCE MAIS BONITA" - CRÔNICA DA RECONSTRUÇÃO , CONTA A SUA AVENTURA EM TERAS UBATUBENSES...

Não havia bombeiros  e os extintores  eram poucos para  apagar  o incêndio..Outros tanques, os quais armazenavam  óleo diesel, tambem pegaram fogo, os mesmo aconteceu com  dezenas de tambores de óleos  lubrificantes .  Com o aquecimento explodiram e expeliram sua tampas  para o ar levando chamas que pareciam fogos de artifício...O  caminhão-tanque, as maquinas de abastecimento e todo o aparelhamento usado no posto ardiam em chamas  e lançavam rolos de fumaça negra, a qual era vista desde o centro de Ubatuba.  Ao lado ficava o galpão do almoxarifado e na primeira dependencia, a uns 15 metros de todo fogaréu, estavam estocadas dezenas de caixas de dinamite, estopim e espoletas especias . A correria  dos funcionários e das pessoas das casas da vizinhança foi agoniada e sem direção, alguns enfrentaram o mato no peito morro acima, outros mais serenos buscaram socorro. Sorte, que nesses momentos sempre surgem heróis....





Esses heróis , enfrentando o perigo de uma explosão iminente do tanque  subterrâneo, corria para salvar caminhões e máquinas  da destruição ainda maior. Toda a instalação do posto, o caminhão-tanque, os reservatórios  de óleo diesel  e os tambores de lubrificantes ficaram torrados ao final do sinistro brutal. O reservatório subterrâneo, felizmente, ficou ileso. Foram momentos dramáticos, os quais abreviaram a mudança da Unidade para a cidade....

CASARÃO DO RIO GRANDE..

O local para as novas instalações da Unidade de Serviços do DER tinha endereço certo: o  casarão , na Ilha do rio Grande, onde antes existia um Entreposto de Pesca , com fabrica de gelo.
Chegamos ao local com o pessoal da administração e apoio de uma equipe de pessoal de obras, eletricistas e de limpeza para dispor da melhor maneira possivel as acomodações, ainda que precariamente.
Era abril de 1957.
A  chamada Ilha dos Pescadores é formada pelos dois braços do rio Grande, bem na boca da barra. A sua frente, durante a maré baixa formava uma prainha, onde os pescadores e algumas famílias das praias do lado norte chegavam com suas canoas cheias de laranja-cravo graúdas e amarelinhas, farinha de mandioca , palmito, cará roxo e peixe salgado.

CONTINUA...



Nenhum comentário: